Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AUSÊNCIA QUE MACHUCA

Luto para superar esta ausência
que machuca que escraviza
que traz em todos os segundos tua imagem querida
e assim vivendo, vou sofrendo esta
 distância doida e descabida.

Somente você amigo travesseiro
conhece meu despertar, quantas vezes
depois de sonhos conturbados
meu corpo indicava que alguém se encontrava
presa em meus braços cerrados.

Não dizer de lágrimas
seria não dizer que não amei,
afinal elas sempre anunciam
o desespero de um novo dia,
uma nova tristeza
mais uma nostalgia

Utopia sinônimo de carência
determinada por recordações
já que vivo de sonhos pra
encontrá-la em minha total dependência.

Fantasia qual a razão dessa tormenta
quando me traz tua presença
em meu abandono em minha clausura
ainda que só assim posso vê-la nesta desventura?

No íntimo todo o meu ser
reprime esta loucura, esse devaneio,
ópio nas veias de minha paixão,
mas só assim posso suportar essa falta imensa,
só assim posso novamente tocá-la e na
amplitude da solidão contemplá-la,
torpor para suavizar esta infinita saudade.....




Wil
Enviado por Wil em 12/01/2006
Código do texto: T98023
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2613 textos (84504 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:28)
Wil