Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

...Ilusão...(Dueto: Tamara e Edu)

Tamara:

Minha alma devagar foi se afastando de mim.
Eu não consegui segurá-la,
ela vagou sem rumo certo...

Sem explicações,
foi em direção a uma ilusão
mais forte que eu.

Uma ilusão que me seduzia,
Emocionava-me.
Dava forças me envolvendo!

Essa ilusão permaneceu em meu coração
mandando, desmandando
em minha mente.

Por essa ilusão eu saio de mim!

Eu conheço o inferno, o paraíso,
eu choro, eu sigo,
eu machuco, eu curo!

Faço coisas que só meus olhos conseguem explicar
pois é nele que meus sentimentos vagam...

Edu:

...
Sentimentos puros
sem regras
nem limites.
Prontos para aflorar
...

Vejo o paraíso criar forma.
Nos meus devaneios,
o inferno é mostrado.

Fujo! Caio!
Grito incontido
Suspiro.
Silencio-me!

Olho-me no espelho.
Uma pergunta ecoa na minha mente
Quem sou?
Um corpo em busca do prazer
Uma alma iludida com o bater do coração?

Não busco a resposta.
Controle de mim não tenho!

Apenas desejo...
calor para alma,
paixão sem limites
e um amor para o coração
...
Tamara Schiavon
Enviado por Tamara Schiavon em 13/01/2006
Reeditado em 17/01/2006
Código do texto: T98460
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tamara Schiavon
Ribeirão Bonito - São Paulo - Brasil, 25 anos
201 textos (11542 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 14:55)
Tamara Schiavon