Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FLOR DO CAMPO


     Quão bela e formosa, és tu: ó flor do campo, que desabrocha com os raios do sol e exala seu perfume através das montanhas. A brisa da manhã toca suas pétalas num gesto carinhoso e respeitoso por aquela, que é a mais bela das flores. Banha-te no orvalho que cai morrendo de amores, numa vontade louca de possuí-la, de estar sempre ao seu lado.
    Só um e único Deus, poderia dar-te tamanha beleza, uma beleza divina e inspiradora.
Dom da paixão, és aquela que transmite todo o carinho, todo o amor e todo o romantismo daqueles que se amam. Peça inspiradora dos maiores romances, de saudades daqueles que partiram, mas que deixaram-te como marca maior de um amor sem fim.
    Mas, como todas, você também um dia terá um fim, e deixará novos frutos que darão um novo sentido da vida.

Julio Alves Filho
Enviado por Julio Alves Filho em 16/01/2006
Código do texto: T99400

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Julio Alves Filho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Julio Alves Filho
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
233 textos (13519 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:54)
Julio Alves Filho