Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cupido

Poema dedicado a Eliane funcionária do C V S de SP.


Um pássaro aqui veio, pousou em meu coração
Deu nele três bicadas e depois partiu sem direção.
A dor de suas bicadas transformou-se em paixão
Amor, saudade e tesão, mas ele vai voltar.

E essa espera infinita desse amor tão bonito
Não passa de mera ilusão da felicidade
Que deixa no fundo d’alma de viver a vontade
Amar e ser amado com tamanha frivolidade.

A ele entrego-me por inteiro e sem fatalidade
E deixo que as mãos cálidas da noite
Afaguem-me sem medo, no enredo colorido
Dos tempos idos na sua íntima ação colossal.

De espírito desarmado sempre me encontrará
A ele serei fiel enquanto tiver força para amar
Atento ao encanto que às vezes até me espanta
Cheio de carícia e tesão até no ato de sonhar.

Nada será descartado se preciso for para com ele ficar
Nada será mais patente que as ondas cadentes no mar
Nada será mais imperioso que esse amor tão gostoso
Quando eu o abrçar e com ele vibrar na hora de amar.

Não haverá tropeço, nem lagrimas para chorar
Não haverá desânimo, nem dor para gritar
Nada irá impedi-lo de voltar ao seu ninho
Mesmo que eu me sinta sozinho no meu caminhar.




R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 23/02/2006
Reeditado em 09/03/2006
Código do texto: T115223
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79566 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 14:37)
R J Cardoso