Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PROFESSOR.

Ali, em pé,
Íntegro, meu professor,
A sábia máquina.
Que não sei onde por,
Onde guardá-la,
Embora ela ande,
Embora se zangue.

Ali, em pé,
Íntegro,
Meu professor está.
-Cale-se, menino.
-Sim, Senhor,
-Meu professor.

Mas os tempos mudam,
E ali, em pé está,
Já não é a sábia máquina.
É máquina.
É sábia,
Mas ainda é professor.
É ainda.
Sim senhor.
Mas, já não é tão nocivo,
Mas, ainda é professor,
É tão amigo,
Mas ainda é professor,
É ainda,
-Sim, Senhor.
Mas, ainda,
 -É Professor.

(D`Eu)

Sidnei Levy
Enviado por Sidnei Levy em 02/05/2005
Código do texto: T14267
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sidnei Levy
Campinas - São Paulo - Brasil, 71 anos
298 textos (20822 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:17)
Sidnei Levy