Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Danuza



Teus olhos são como espelhos que refletem o azul do céu.
Que refletem as cores do horizonte.
Teus olhos são capazes de espalhar minha alma no mais longo deserto da vida.
Na longa noite escura, os teus olhos me mostram o caminho, que quero percorrer contigo.
São os teus olhos que me inspiram a escrever os mais belos versos dedicados a uma única mulher, “você”.
Es minha inspiração, pois os teus olhos me inspiram a falar de felicidade, paz, e as mais belas frases de amor.
Mais tenho medo de amar você e morrer de amor ao entardecer.
Temo não estar para sempre ao seu lado.
Tenho medo que você seja um pássaro e no final de uma tarde voem sem destino e desapareça entre uma nuvem e outra.
Tenho medo de você não me querer, de teu coração gostar de outro e não me querer mais, como eu te quero.
Meu medo é de não poder envelhecer ao seu lado.
Eraldo costa
Enviado por Eraldo costa em 24/04/2006
Código do texto: T144449
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eraldo costa
Garanhuns - Pernambuco - Brasil, 33 anos
30 textos (6189 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:23)
Eraldo costa