Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tributo aos Queridos Companheiros do Recanto


Ao ingressar nesse site literário,
Não sabia da magnitude da sua grandeza,
Não sabia da existência da sua imensa riqueza,
De fato, estava receioso do meu novo itinerário.

Mas logo descobri o segredo dos recantistas,
Aqui se faz resenha, conto, crônica e poesia,
Aqui se faz suspense, drama, comédia e elegia,
Eis o reduto, a Arcádia, de talentosos artistas.

Então mergulhei de cabeça no universo recantista,
Descobri vários seres produtores das letras,
São Libélulas, Doces Almas, são Borbolletas,
Que propagam a criatividade de uma maneira idealista.

Essa é a minha sociedade, a minha biblioteca, a minha casa,
Local onde posso deixar transparecer a minha alma literária,
Espaço onde escrevo histórias reais e imaginárias,
Admito... És de fato a melhor de todas as moradas!!!
Feita pelos meus queridos colegas do virtuoso Recanto,
Que escrevem de todas as cidades e de todos os cantos,
Honrando, então, a Literatura dessa terra abençoada.




Todos os Direitos Reservados pelo Autor.
Fábio Pacheco
Enviado por Fábio Pacheco em 19/06/2006
Reeditado em 23/06/2006
Código do texto: T178171
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Pacheco
Recife - Pernambuco - Brasil
1095 textos (55959 leituras)
10 áudios (233 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:12)
Fábio Pacheco