Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Devaneios!

Recebi de um poeta amigo e muito atrevido! rss. Querido amei e resolvi realizar teu sonho, espero que  tua musa não fique com ciúmes, são só versos...Afinal, poetas são só palavras!

   “Você de calcinha e camiseta
     Numa noite quente em Salvador,
     Te escrevo sem censura e sem pudor
     Ao imaginar tal cena,
     Sou eu a sentir calor.”


Teu desejo me chegou no vento,

Tuas linhas acariciando as minhas,

Pude tocar-te a pele, senti teu cheiro de leve.

Renasce então tal fênix,

Minha libido adormecida,

Pela falta de inspiração...

De palavras, que atiçassem o meu tesão.

Sei de teu fascínio, teu fetiche,

Explicito que és...Verdadeiro o teu desejar,

Refletido em palavras tão diretas,

E por isso mesmo mais belas,

Que falsas declarações...

Que só serve para povoar de  ilusão,

Meu tolo coração...

__È preferível a verdade da carne__

Me torno então, toda emoção.

E numa praia deserta, discreta,

Aqui de minha terra querida,

Como em teu sonhar,

Bailo para teu prazer,

E faço algo mais caliente

Do que fantasiou teu querer.

Na areia, tal sereia,

Tendo a brisa da noite a refrescar-me o calor,

Que se apossa do meu corpo,

Só de imaginar, teu olhar...

A me desejar!

Me entrego ao devaneio,

Iluminada pelas luzes do céu...

Pois até a noite, emprestou-me o esplendor ,

E não mais modesta que a lua...

Para você eu danço,

Toda nua...

Fazendo de minha  luxúria... A tua!

Voou até ti ,como ao mundo eu vim...

Integrada a essa noite bonita e quente,

E então, unidos pela imaginação

Corpo, alma, coração,

Que pulsam no ritmo de nossa paixão,

E incendeiam nas linhas,

As minhas e as tuas... Fantasias!


Observadora
Enviado por Observadora em 09/10/2006
Código do texto: T259944
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Observadora
Salvador - Bahia - Brasil, 50 anos
487 textos (27393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 07:54)
Observadora