Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Elegia ao poetas do Recanto

                       "O poeta lembra o passado
                        com a insistência dos velhos,
                        E fala do presente
                        com a honestidade das crianças."
                                   H.W HAUDEN

A cada poesia que eu leio
     no Recanto
Alegra-me a alma
pois nela encontro um canto
que me acalma

A cada poesia que eu leio
     no Recanto
Conforta-me a alma
com ela eu suplanto todo o pranto
    Bato palmas

A cada poesia que eu leio
     no Recanto
Destravo um sorriso
Pois sei que ela foi feita com esmero
    por um poeta amigo

E esse poeta amigo
transforma em prosa e verso
a dor, a alegria, o desencanto
E isso para mim
      é um acalanto
As belas poesias dos amigos
      do Recanto.
Bhall Marcos
Enviado por Bhall Marcos em 26/10/2006
Código do texto: T273984
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bhall Marcos
Londrina - Paraná - Brasil, 48 anos
418 textos (28840 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:42)
Bhall Marcos