Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CHUVA DE PÉTALAS


A tempestade assusta a alma
Da poetisa inquieta
O verso trava na água que escoa
No ruído do trovão
Manifesta-se um salto no coração
Mas há uma chuva boa
Garoa florida de pensamentos meus
Uma chuva de pétalas, presente de Deus
Chove rosas de todas as cores
Precipitam-se pingos das borboletas multicores
O trovão ecoa como sinfonia de Beethoven
E o raio pinta as cores do arco-íris
O perfume das pétalas ficam nas mãos que as colhem
No banho de aroma que a poetisa experimenta
Seu peito exala a febre
De amor e carinho que agora recebe
A chuva se intensifica em amor e sonho
Como a magia deste verso que a ti componho

Para Augusta

Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 20/02/2005
Código do texto: T4802

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916778 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34110 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:25)
Denise Severgnini