Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

À Jovem Violonista.

Ver-te começando a vida
o olhar cheio de interrogação.
É feito aprendizado em dedilhar uma canção
é feito nostagia cicatrizando qualquer ferida.
Emoção e razão, caminhos tão desiguais
a primeira, dá-se em notas desvairadas
a segunda, a canção respeita todos os sinais
e no entanto, ambas não vivem separadas.
E nesse misto constante e exclamativo
é que o teu peito desnuda todo sentimento
que outrora, desfigurava-se pôr definitivo
dando-te fim a qualquer sofrimento.
Que o bojo do teu pinho, seja perfeito,
notório de quem aprendeu toda a lição ...
E mesmo no dedilhar, ainda que sem jeito,
saber ouvir e interpretar com fascinação.


Rio de Janeiro, 08 de Novembro de 2002.
Natomarkes
Enviado por Natomarkes em 04/10/2007
Reeditado em 04/10/2007
Código do texto: T680842
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (natomarkes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Natomarkes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 43 anos
117 textos (1677 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 07:35)
Natomarkes