Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR TRANSCENDENTAL

Não sei te esquecer;
muito menos, o que era quando estava ao seu lado.
Sim, era diferente nosso olhar... nosso toque, tudo se perdeu, menos as lembranças, embora confusas, ainda realimento nosso amor.

Sei que hoje sou melhor! Sei as minhas delimitações.
Mas confesso: sinto sua falta!

Abstrai-se que os erros nos ensina que é preciso arriscar.
E riscar o papel é o que faço agora. Sou um pouco daquilo que
vivenciamos num passado que luta ferozmente dentro do meu eu,
na louca e corajosa vontade de trazer você de novo!

Sei que sou o grande responsável por não te esquecer. Mas como?
Se o que hoje sou, invariavelmente, reflete um pouco daquilo que você plantou em mim.

Ainda que posso sentir-lhe, seja nas borboletas que visitam meu jardim,
seja no perfume da flor que insiste em presentear o ar que respiro, mas nada é igual sua real presença.

Não quero fugir aos limites do humano,
seria loucura e prova que não sou homem de fé.
Indo frontalmente contra os princípios que me ensinou, mas o melhor é saber que de alguma forma sempre se fez e se faz presente, em espirito e luz.

Esse é o presente maior!
Muito obrigado Pai.
Clovis RF
Enviado por Clovis RF em 08/11/2007
Código do texto: T729011
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Clovis RF
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
261 textos (321678 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 12:54)