Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MENINA NORDESTINA

Zefinha, minha querida zefinha,
Come este punhado de farinha.
Deita e sonha que os sonhos te consolam,
Pede a deus um pouco de chuva como uma pequena esmola.

Zefinha rainha do cariri,
Canta e dança com seu chocalho de caxixí.
Faz um pedido lá no oratório,
Castigada pela seca com um semblante censitário.

Zefinha doce selvagem,
Mulher com um olhar de menina.
A miséria e vizinha tua zefinha,
Mais aprendeste a viver com tua sina.

Zefinha tu chora sem ter um colo,
Tua vida e sofrida.
Zefinha bela rainha,
O nordeste e teu solo.

Zefinha menina nordestina,
De noite sonhas e de dia colhes pó.
No cariri tu es a mais bonita,
Enfeitada com suas chitas do brechó.

Brione Capri.
BRIONE CAPRI
Enviado por BRIONE CAPRI em 24/11/2005
Reeditado em 27/11/2005
Código do texto: T75649
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BRIONE CAPRI
Guarulhos - São Paulo - Brasil, 32 anos
1428 textos (66610 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:58)
BRIONE CAPRI