Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ICOARACI

Icoaraci
De Iolanda Brazão


Icoaraci...
Terra onde nasci
Aprendi a engatinhar
Andar, caminhar!
Ah... Icoaraci...
Quanta saudade
Tenho de ti
Mas tive que partir
Um certo dia
E longe de ti
Na selva de pedra
Tive que me virar
Porque não dizer ralar
Para poder me encontrar
Pois ao deixar-te, me perdi!
Do mundo, de todos
Até me encontrar
Atravessei rios, mares
Escalei montanhas
Fui atropelada, enganada.
Usada, maltratada.
Com isso, aprendi a revidar.
Sem ter que chorar
Mas ao lembrar-me de ti
Minha alma se alegrava
Pois és minha mãe, meu pai.
Es meu berço
Minha terra Natal
E cá pro nós Icoaraci
Igual a ti, não há outro lugar igual.
Iolanda Brazão
Enviado por Iolanda Brazão em 20/12/2005
Código do texto: T88674

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Iolanda Brazão
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
343 textos (32009 leituras)
3 áudios (627 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 07:50)
Iolanda Brazão