Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÁGUAS DE ASSARÉ


Canoas, um grande açude,
De águas abençoadas,
Espero que nunca mude,
Por todos, muito esperada.

Jorrando em suas torneiras,
Só não bebe, quem não quer,
Corre límpida e faceira,
Produto de muita fé.

Tornou a vida mais fácil,
É por isso que te faço,
Homenagens, Assaré.

Pois tens o fruto da vida,
De valor, a mais querida,
Comparada, á uma bela mulher.


Carlos Mambucaba
Enviado por Carlos Mambucaba em 17/01/2006
Código do texto: T99839
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Carlos de Almeida). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Mambucaba
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil, 54 anos
484 textos (39319 leituras)
60 áudios (6885 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:07)
Carlos Mambucaba