Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
PAZ EM GUERRA

No peito pulsa um bloco de pedra
No olhar tétrico nem o cristianismo
Oculta a guerra
No raciocínio estrategista
O orgulho se perde sem deixar pistas

Não há guerreiros e nem heróis
Existem apenas prisioneiros da guerra

O que perder se o que temos é nada?
O que doar se nos roubaram tudo?
Talvez tenhamos algum a oferecer
Um pouco do nada
Para distribuir ao mundo

Dor, remorso, desespero,
Morte, sofrimento, insegurança, fanatismo,
Intolerância, violência e medo.
Abismo de egoísmo profundo

Não possuem o que distribuem
Não possuem o que rejeitam

Terrorismo contra terrorismo
Arriscamos-nos em perigo
Fronteiras geram conflitos
Ideais em atritos
Não há talebans ou americanos

Deus criador da imaginação
Não responsável pelo que imaginamos
É unívoco deus e Alá
Em quanto à incompreensão permanecer

A guerra e o terrorismo não perecerão
Apenas a paz pode vencer

Só a união pode libertar!
Não há inocentes
Tampouco há condenados
Só há de um lado ignorantes
E de outro desprezados.

Para conherer outras obras do autor compre seu livro:

TRANSPOESIA   
                                                                                                        










CicBenSil
Enviado por CicBenSil em 09/03/2006
Reeditado em 25/06/2010
Código do texto: T120772
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CicBenSil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
417 textos (17559 leituras)
5 áudios (518 audições)
4 e-livros (252 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:15)
CicBenSil