Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pedi a paz ao mundo

Nestes meus olhos já tão cansados
Onde ainda brotam lágrimas de sofrimento
Do desespero que ainda sinto pelo mundo
Das cruéis atrocidades cometidas por ti
Por ti meu irmão, cujo o sangue corre pelas veias
Sentimentos e coração deveriam ser iguais ao meu
Infelizmente não o sao sentes orgulho e vaidade
De seres superior aos teus irmãos, eu te perdoo
Vestes de luto a tua alma e escuridão
Entendo que erras por falta de esclarecimento
Matas e jogas bombas em prol dos teus interesses
Dizes que almas tem que ser devastadas
Tudo em favor da sua paz e conceitos
Por vezes gerando conflitos de religiões
Matando, devastando e criando o sofrimento
Nem sempre de humanos mas de tudo
Que preenche o nosso belo planeta
Os seres vivos que nele habitam
Ilusões de irmaos confusos, doentes
Cujo o seu coração e feito de pedra
Que em cada um de nós a nossa voz
Seja ouvida, que cada um alerte na escrita
Pois é urgente a paz e o amor neste mundo
Porque nossos filhos e netos sofreram
Quem devastou? Quem criou este caos?
Nós todos temos uma dose de participação
Acordem e façam algo por si mesmos
Pelos nossos irmãos que já nem voz tem
Eu pedi a Paz para o mundo a ti meu irmão.....

 


Betimartins
Enviado por Betimartins em 10/09/2007
Código do texto: T646136

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Betimartins
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
1675 textos (97493 leituras)
9 áudios (899 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 07:55)
Betimartins