Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Calmaria

Ventos tempestuosos e desordenados,
Continuam em sopros lentos,
Nada se muda com as horas,
Apenas a percepção.

Figuras fantoches em mentes esclarecidas,
Desenham artifícios de entendimento vasto,
Linhas escritas sobrescritas em camadas de palavras,
Letra sobre letra, tempo gestando tempo.

Sopra a vida por igual,
Caravelas aportam em terras desconhecidas,
E delas saltam pessoas,
Eu e você, tateando nossos medos.

Calmaria em alto mar,
Peixes não se atropelam em sua jornada,
Existe a vastidão para todo olhar.

E por onde quer que se vá,
Se nem chegar, preciso for,
Se vê as marolas do mar.

Lorenzo Giuliano Ferrari
Enviado por Lorenzo Giuliano Ferrari em 23/11/2007
Código do texto: T748703
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lorenzo Giuliano Ferrari
São Paulo - São Paulo - Brasil, 54 anos
1817 textos (50950 leituras)
1 áudios (2457 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 09:42)
Lorenzo Giuliano Ferrari