Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sonho

Sonho
De Iolanda Brazão


Em minha juventude sonhei
Tanta coisa  idealizei
Assim era fácil de sonhar
Cada sonho uma cor
Na ânsia queria muito realizar
Desabrochar, desbravar, conquistar
Assim, na estrada da vida
Comecei a  querer andar
Já na beira da estrada
Diante da caminhada
Deparei com a dura realidade
Descubro que não era tão fácil assim
Mais isto na minha idade era fácil de driblar
Veio então a primeira conquista
Feliz pulei, cantei, vibrei
Confesso que vislumbrei
Na conquista do meu sonho azul
Que alguns anos depois
Passou a ser negro
Ainda assim não parei de sonhar
Ouvir uma voz dizer:
Não desista nunca...Nem tudo acabou
No momento este sonho terminou
E outros ainda virão
Verdade... A voz tinha razão
E assim voltei a sonhar
O sonho nos impulsiona em busca de novas conquistas
O sonho alimenta o corpo, a alma
O sonho é vida
E para viver precisamos sonhar...
Iolanda Brazão
Enviado por Iolanda Brazão em 10/02/2006
Reeditado em 10/02/2006
Código do texto: T110098

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Iolanda Brazão
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
343 textos (32019 leituras)
3 áudios (627 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:28)
Iolanda Brazão