Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUE VOLTE O TREM.

Que volte o trem,aos trilhos a rodar,com seu saudoso apito, o silêncio quebra.

Que volte o trem, transportando gente,para todos lugares, deixano saudade, trazendo alegria dos que voltam pra casa.

Que volte o trem, com o seu café-com-pão-bolacha-não, café-com-pão-bolacha-não,PIIUII...

Que volte o trem, transporte de massas, levando operarios de
casa ao trabalho.

Que volte o trem,pelos campos a rodar,transportando alimentos pra todas cidades.

Que volte o trem,por todas as plagas,mostrando assim, as lindas paisagens,aos que nele viajam.

Que volte o trem,unindo cidades,unindo familias, que estam
separadas.

Que volte o trem,de cidade a cidade,e que em cada partida deixe saudade,com mãos que acenam, dos que fical e dos que nele vão.

Que volte o trem, o novo trem bala,Encurtando distâncias para todos os lados.

Que volte o trem,pelos os trilhos a rodar,em direção ao horizonte onde quer chegar.
E das janelas, os seus viajantes contemplem; os campos,as matas e os rios correndo em ZIG-ZAG,em direção ao mar.

QUE VOLTE O TREM!

Lonrina,23-03-2003.

Raimundo Otoni
Enviado por Raimundo Otoni em 08/03/2006
Reeditado em 15/04/2006
Código do texto: T120585
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Raimundo Otoni
Londrina - Paraná - Brasil, 86 anos
39 textos (3459 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:25)