Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ao Amor Ausente

Pesada mesmo é a dor da tua ausência
Nesse exacto momento em que queria estar unida a ti
Em que queria te abraçar
Dormir em teus braços, te amar ...


Pesada mesmo é a dor que sinto pelo teu silêncio
Que corta a alma e separa o espirito
Dilacera a vida
Recorta o âmago dos sentidos desesperados


A dominar a chama que queima em meu coração
A beijar-me na calma sem sofreguidão
Sabendo que tu fazes despertar em mim o amor que a tempos andava adormecido .

A minha alma dorme agora ao sabor de tua ausência
Esperando o despertar de teu aconchego e carinho
Querendo-te sem rodeios
Ama-me meu homem por inteiro
Sou tua nas horas infinitas em que não estas aqui ...

Onde andas meu amor?
Que noite mais escura te separa de mim?
Anda, vem amar-me que preciso do teu abraço
Do teu enlace e calma na perfeição
Do teu carinho que me faz desfalecer .
Wanda Ayala
Enviado por Wanda Ayala em 08/04/2006
Código do texto: T136035

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Wanda Ayala-www.recantodasletras,.uol.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Wanda Ayala
Portugal
425 textos (36692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:34)
Wanda Ayala