Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem Graça

que graça tem agora
se quando voce estava aqui
tudo era perfeito
que gosto de nada tem
tido essas bocas que tenho beijado
que noites sem graça essas
e tantas quantas virão
que vida mais cafona
que sonhos sem aventura
que tão  cheios de nada
nem lembrados serão no dia seguinte
tudo sem voce tornou se sem graça
se agora eu fumo sem ninguem pra me perturbar
eu acendo um dois, tres quantos eu quizer
eu gasto cem duzentos, quanto eu tiver pra gastar
eu como, eu falo sem parar
sem ninguem pra revidar
que graça tem os dias de chuva se
nao posso te morder e te abraçar?
é quando eu lembro
que vida gostosa
que tempo bom
que epoca maravilhosa
Não vamos falar em traiçoes
só na uniao daqueles dois coraçoes
que conhecemos bem e hoje estao por ai
perdidos e cansados de andar
a procura daquelas velhas emoções


Suelen Mônaco
Enviado por Suelen Mônaco em 14/04/2006
Reeditado em 16/11/2006
Código do texto: T139239
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Suelen Mônaco
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 34 anos
82 textos (10760 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:30)
Suelen Mônaco