Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Flores na Janela

Eu já não sei bem
Que passagem nos toma
Que alento é este que nos arrasta
Folhas soltas, levadas, infeliz tempestade

O tempo padece e com ele, meu bem
Já não sorri como antes
Já não tem o verde d´antes no olhar

Ah! Delicado brilho,
E eu nem sabia o que era amar
Concebia um raio, sob o luar,
Estrelas cadentes na escuridão
E nada tinha o tamanho do medo
Que não habitava, o  meu coração.

Era tão delicado  o teu beijo
Tão impetrante era o teu toque
E por dez mil noites fui tua,
Uma lua nos teus lençóis
E agora, o que há de nós
Ante a percepção
Que há tanto de você, nas flores da janela
Tanto que eu não posso entender
E nem esperar

Acreditar no teu abraço
E outra vez me entender criança
Entregue ao brilho do teu olhar.

AndreaCristina Lopes
Enviado por AndreaCristina Lopes em 15/04/2006
Reeditado em 21/09/2010
Código do texto: T139615
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
AndreaCristina Lopes
Cascavel - Paraná - Brasil, 43 anos
483 textos (22678 leituras)
6 áudios (660 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 16:53)
AndreaCristina Lopes