Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

carro de boi:

Carro de boi

Meu velho carro de boi
Dos tempos do meu avô
Foi esta a maior herança
Que meu velho deixou.

Hoje jogado num canto
Lá no fundo de galpão
O tempo deixou a marca
No carro que foi tradição

Às vezes me sento nele
Dou um pulo no passado
Fico ali imaginando o vovô
E eu, sentadinho a seu lado.

Um dia meu velho vovô
Deixou esta vida terrena
E fez neste velho carro
Sua viagem derradeira

Um dia peguei o carro
Com carinho o desmontei
Levei, ele pro meu quarto.
Ali novamente o montei

Meu velho carro de boi
Não serviu mais pra viajar
Por isso fiz dele minha cama
Nele deitar, dormir e sonhar.

Meu velho carro de boi
Dos tempos do meu avô
Tu es a lembrança dele
Herança que me deixou!

Volnei R. Braga

Pelotas: 15/04/2006



Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 16/04/2006
Código do texto: T139796
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147465 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:30)
Volnei Rijo Braga