Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUEM DIRIA

Quem diria...
que de tão pouco se faria tanto
que d’alegria sobraria o pranto
que a desilusão cobriria o encanto?...

Quem diria...
que o dia, a noite e o outro dia
tão rápido se fundiria
e nunca mais, nunca mais passaria?...

Quem diria...
que o que era bom maltrataria
que o que não era sufocaria,
que o meio-termo venceria?...

Quem diria...
que haveria cura para o “bom demais”
que não seria loucura acreditar no tempo
que leva como o vento tudo que traz?...

Pois é, mas quem diria...
que ficaria tudo sem graça
não pelo tempo que passa,
não pelo que restou;
mas, pura e simplesmente,
por tudo aquilo que a gente
deixou passar... e não passou!
Lourenço Oliveira
Enviado por Lourenço Oliveira em 23/06/2006
Reeditado em 03/04/2010
Código do texto: T180962
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lourenço Oliveira
Salesópolis - São Paulo - Brasil
1277 textos (109588 leituras)
23 e-livros (1394 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 05:16)
Lourenço Oliveira