Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tanto...

Tanto tempo sem te ver
Quanto tempo? Tanto...
Talvez nem seja muito
Eu é que o agiganto
Agiganto também minha dor
Pelo amor que acalanto
Talvez seja até exagero
Não exagero, entretanto,
Quando digo que a saudade
Tirou-me, da vida, o encanto
E que eu não quero mais lutar
Que vou ficar aqui, por enquanto
E vou ficar quieto em meu canto
Esperando a morte chegar
Para envolver-me em seu manto

Flávio Sant'Ana Lopes
14/07/2006
Flávio Sant Ana Lopes
Enviado por Flávio Sant Ana Lopes em 14/07/2006
Reeditado em 14/07/2006
Código do texto: T193772
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Flávio Sant Ana Lopes
Vilhena - Rondônia - Brasil, 44 anos
45 textos (2566 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:04)
Flávio Sant Ana Lopes