Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As vezes



      Sinto algo,
     
      Algo que não sei explicar,

      que vem de dentro

      E vive a atormentar


      Os dias parecem não ter fim

      A espera é incessante,
 
      que anseio, aflição

       
      Tudo se foi,

      só restaram as lembranças,

      decepções, saudades...

     
      Aconteceu tão rápido

      E meus olhos não enxergaram

      Apenas se foi

     
      Como a brisa do crepúscolo

      que a folha do galho

      faz cair
   
   

     
Litlle Angel
Enviado por Litlle Angel em 21/07/2006
Código do texto: T198877
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Litlle Angel
São Paulo - São Paulo - Brasil
8 textos (1064 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:44)
Litlle Angel