Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Homenagem!

Mãe palavra tão pequena
Mas, com tanto significado.
Que dá a luz... Que faz luz
Dá-nos a vida...
E a ilumina com seu sorriso
Com suas palavras doces
Sempre amando sem nada pedir
Mesmo com lágrimas nos olhos
Sempre tem uma palavra amiga
Um jeito certo para nos dominar
Deixando-nos seguros na vida
Embalando-nos com seu amor
Queria coroar-te...
Com uma coroa de flores
Agradecendo todo seu amor
Dar-te o céu por merecimento
O anoitecer e o amanhecer
Uma vida plena de felicidade
Mas, o destino foi cruel demais.
Levando-a do meu viver
Deixando um rasgo em minha vida
Uma fenda sem fim
Que vai até o infinito
Não tendo fim o meu sofrer
Quero deixar aqui expressa a minha gratidão
Por tantas noites mal dormidas
Pelas preocupações que lhe causei
Tirando-lhe o sono, deixando-a aflita.
Por todos seus carinhos espontâneos
Quero te pedir perdão se não correspondi
A todo seu amor por mim
Mas, saiba que sempre te amei mais que tudo.
Com toda a força do meu coração
E quando tive a oportunidade de coroar-te
Foi com muita tristeza em meu coração
Porque seu corpo jazia frio dentro de uma urna
E infelizmente a vida havia esvaído de ti
Não consegui dar-te o céu aqui nesta vida...
Deus antecedeu-me... Chamando-a para si
Deixando-me triste e infeliz
Causando uma saudade imensa de ti
Que consome todos os meus dias
Afligindo a minha alma
Fazendo-me sofrer a cada dia
Com a sua ausência que ninguém pode preencher
E, é com muita saudade que te falo;
Obrigado por ter existido!
Por ter sido minha mãe
Por ter sempre me amado
Enquanto aqui ficou...
Obrigado por tudo... Sempre te amarei
Porque aqui ainda estou... Até que chegue a minha hora
E possa um dia te encontrar... Seja onde for




ângela lugo
Enviado por ângela lugo em 12/09/2006
Código do texto: T238465

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ângela lugo
São Paulo - São Paulo - Brasil
127 textos (88422 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:36)
ângela lugo