Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ABANDONO



17.01.06


O que fiz eu para merecer teu abandono?
Que crime cometi, para que me desprezastes?
Por mais que eu tenha errado,
Creio que me devias dar a chance de ao menos me defender.
Nada do que eu fiz, falei ou mesmo pensei
teve o intuito de te magoar,
aborrecer ou mesmo entristecer,
Pois a tua felicidade é a minha felicidade,
Teus sentimentos, os meus,
E em teu corpo me fundia eu,
Sentindo-me extasiado, perfeito, completo!
Então me diz, meu amor, por que te afastastes de mim?
Fiquei tão sozinho, órfão e viúvo,
sem destino, sem eu mesmo!
Cego, surdo, mudo e bobo, andava pela vida a me procurar
E em cada esquina, em cada rua, em cada canto,
Eu apenas me via em você!
Volta, amada, venha me completar,
Venha me fazer feliz, venha me fazer amar!
Preciso de você, para voltar a sentir, para voltar a Ser!


Lágrimas de sangue.


ANJO ZERO

Edilene Barroso
Enviado por Edilene Barroso em 26/09/2006
Código do texto: T249504

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Edilene Barroso
Campinas - São Paulo - Brasil, 53 anos
192 textos (21461 leituras)
12 áudios (4784 audições)
5 e-livros (337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 06:49)
Edilene Barroso