Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Último Adeus

(Em memória) meu querido irmão Dangler Telmo
30/08/1940 - 05/07/1985
Eu sei que te amei
Tanto quanto merecia
Talvez não te tratei
Tanto quanto deveria
Tranquei-me no mundo,
Mundo de fantasia
Enganei-me com tudo,
Tudo que queria
Queria te ter dito tantas coisas
Coisas que aprendi
Espelhando-me em ti
Dizer que como tu eras bonito
Por fora e por dentro
Exemplo de filho, de irmão,
De amigo, de pai.
E tenho certeza de um grande marido também
Ah! Dangler! Como é triste o mundo sem ti
Como é triste ficar sem te ver
Desligou-se do mundo
Para morar com Deus
À distância me impediu de te dar o último Adeus
Não esqueço que estendeu
A mão quando precisei
Em homenagem a ti
Ao fluminense me dediquei

Sonyah Vaz
Enviado por Sonyah Vaz em 28/09/2006
Reeditado em 12/11/2006
Código do texto: T251780

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Sonyah Vaz www.sonyahvaz.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sonyah Vaz
Rio das Ostras - Rio de Janeiro - Brasil, 55 anos
56 textos (4355 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:23)
Sonyah Vaz