Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MONTE CASTELO

MONTE CASTELO
Alta madrugada, horas mortas;
Vida pulsando em meu peito
Coração batendo, acelerado.
Lembranças invadem minha alma
Adolescência sonhadora, avassaladora;
Herança de um adolescer saudável
Bola que rola e rompe as traves em campos de terra
Ruas do meu bairro, periferia do interior da Bahia
Monte Castelo da minha Teixeira de Freitas

Onde está esta gente que cresceu comigo?
Cadê a minha primeira namorada?
O meu primeiro beijo inocente?
O amigo da bola, o vigia D´jango?
Foi para onde o pai do calango?

Paulo Freire, rua da aprendizagem;
Onde aprendi muita molecagem
Tanta coisa saudável, guardo muita amizade
O Fubica, moleque que gira a pelota, que o gol invade

Tanta gente que andou na minha história
Que morreu na minha história
Construiu a beleza no raiar da minha vida
Melancolia de uma mente saudosa
Infante memória de quem cresceu
Voou do Monte Castelo
Para construir outra história
CIRLON PEREIRA
Enviado por CIRLON PEREIRA em 16/10/2006
Código do texto: T265464

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CIRLON PEREIRA
Ilhéus - Bahia - Brasil, 44 anos
208 textos (24676 leituras)
12 áudios (364 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:19)
CIRLON PEREIRA