CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

Suspiros poéticos e saudades

Nos suspiros silenciosos
Sozinho na solidão
O poeta segue em frente
Perdido  na multidão
As palavras riscam os mares da poesia
E com a caneta de seus sonhos
Escreve sua agonia
As palavras banham-se nas lágrimas
Da saudade
E todas tomam vidas
No rabisco desta infelicidade
Saudades e  suspiros
Apertam o coração
As pessoas passam
As maquinas passam
E a solidão?
O sol escaldante do mês de dezembro
A tempestade que mata
O tempo que não perdoa
Voa.
E, nesta praça vazia
Suspiro no silencio
A dor desta saudade
Somente resta
Esta pobre poesia.

”A arte de amar é a mesma de ser poeta." (Cecília Meireles)
JFilipe
Enviado por JFilipe em 26/12/2010
Código do texto: T2693070
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
JFilipe
Cascavel - Paraná - Brasil, 50 anos
114 textos (9150 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/07/14 06:03)