Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SAUDADE

Ah! Como é bom sentir saudade
Saudade daquela amizade
Do amor e da felicidade
Nascidos na quietude
Dos anos da juventude...


Tantas foram às quimeras
Que  ficamos à  espera
De voltarem aquelas lembranças
Do beijo roubado
Da gota de orvalho
Do riso abafado
Do abraço apertado
Do beijo inflamado
Do primeiro namorado...


Ah! Que saudade
Daquela garoa fina
Imitando uma densa cortina
Acalmando o nosso calor
Voltando nessas lembranças
Deixamos de ser crianças
E conhecemos o AMOR...


Talhadas com o canivete
As nossas iniciais ficaram gravadas
Na  árvore do meu quintal
Lembranças que comprometem
Os segredos do carnaval...


Ah! Que  doce magia
No topo  desta colina
Nem  essa  garoa  fina
A saudade que judia
O destino que fulmina
Apagou o nosso amor... 


(S.N.C./W.R.S.P- 1960)




 
SanCardoso
Enviado por SanCardoso em 11/11/2006
Reeditado em 27/08/2015
Código do texto: T288613
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SanCardoso
São Paulo - São Paulo - Brasil
1530 textos (112002 leituras)
1 e-livros (213 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:26)
SanCardoso

Site do Escritor