Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FLOR DE OUTONO

Feito flor de outono
Tempo árido, manhãs frias
No alforge d'alma o que traria
Envolta em tão excelsa luz?

Doce essência, servindo a Divina ciência
No sutil aroma perfumando os ares
Envolvente, inebriante...ah, quem me dera!
Ter-te em meu jardim...e permanente.

Trouxe beleza que abraça e contagia
Nos olhos quase negros e brilhantes
Transformando a íris torturante
Em sereno aconchego. Quem diria!

Trouxe a esperança da bondade incansável
Refletindo o DOADOR imensurável
No viver de eterna bonança.

Trouxe fé inquebrantável e perene
Flor de outono, coração cálido
Seu nome é LUCIENE.

Luzia Câmara Ozarias
Luzia Câmara Ozarias
Enviado por Luzia Câmara Ozarias em 19/11/2006
Código do texto: T295638
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luzia Câmara Ozarias
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 62 anos
73 textos (4782 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 07:59)
Luzia Câmara Ozarias