Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FILHA


                                         
                Pelotas 25 de Julho de 1995


Filha:



Filha... Es a continuação de uma vida.
Fruto do amor, de uma grande paixão.
Filha talvez, nunca chegue a me entender.
Às vezes até pensar que não tenho coração.

Filha se tu pudesse ler meu pensamento.
Ia ler muito pouco, alem de um grande amor.
Embora jamais diga, o quanto amo você.
A sua ausência, para mim é uma grande dor.

Se um dia não fui um bom pai, peço perdão.
Que meus erros sejam, uma coisa só minha.
E, só o futuro vai dizer se eu sou culpado.

Sou humano, me perdoe, se sinto saudades.
Você vive em mim, cada dia cada momento.
Deixando um rastro saudoso em meu coração.



Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 25/09/2005
Código do texto: T53785
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147484 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:49)
Volnei Rijo Braga