Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DISTÂNCIA





Como são relativas as proporções,
De acordo com os nossos sentimentos!
Quando eu tinha você ao meu lado
O universo parecia pequeno para nos conter,
Nosso amor encobria distâncias nunca antes percorridas
Paisagens nunca visitadas,
Tudo era um oceano de amor.
Agora, enquanto te procuro,
Um rio parece intransponível
O horizonte, inalcançável!
Tua alma, que ouvia meus sussurros
Agora não escutam mais meus gritos
O que diria meus gemidos?
Mas não posso deixar de te esperar,
De te procurar seja aonde for.
Porque tenho a certeza de que quando te encontrar
Finalmente encontrarei a mim mesmo.
Então eu te procuro sem cessar
Volta!

Lágrimas de sangue.

Anjo Zero
Enviado por Anjo Zero em 07/09/2007
Código do texto: T642709

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o nome do autor.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Anjo Zero
Campinas - São Paulo - Brasil
34 textos (1449 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 09:48)
Anjo Zero