Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

circo infantil

CRIANÇAS MORREM COMO ANJOS
EM CAIXÕES PEQUENOS E CLARINHOS
EU QUERIA TER PENA
MAS ACHO ISSO TÃO ENGRAÇADO
POR ISSO NÃO VOU A VELÓRIOS OU ENTERROS

MEU FILHO,ME PERDOE
MAS SEU PAI TEM PROBLEMAS
NENHUMA PIADA ME FAZ RIR
COMO OUVIR GRITOS DE VÍUVAS DESESPERADAS
QUE TRANSAVAM COM O MELHOR AMIGO
DO FALECIDO MARIDO

DOÊM O BERÇO,OS BRINQUEDOS
E O CARRINHO DE BEBÊ
OU VENDAM PARA PAGAR
AS DESPESAS FUNEBRES DO ANJINHO

TÃO BOCHECHUDINHO COITADO
EM POUCO TEMPO OS VERMES
IRÃO PENSAR A MESMA COISA
DEVORANDO AS BOCHECHAS QUE VOCÊ APERTAVA

GUARDE A CHUPETA NUMA GAVETA
POIS ELE MORREU TÃO CEDO
QUE NÃO HOUVE TEMPO PARA FOTOS.
pedro carmo
Enviado por pedro carmo em 05/11/2005
Código do texto: T67568
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
pedro carmo
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 34 anos
172 textos (5174 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:35)
pedro carmo