Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
>SAUDADE DE TI*

A saudade me invade
Rasteja sem juízo
Grita tresloucada
Sem fazer ruído

Semeia esperança
Recolha-se sombria
Sem saber do outro
Pusilânime inebria

Cortes e marcas
Cicatrizes saradas
Arregaça o peito
Saudade escalada

Até amanhã
Já me vou agora
Saudade eu levo
Amor sem demora

Deixando em cicatriz
O corte mais profundo,
Outrora fui feliz
Agora um giramundo
Que foi ser aprendiz
Do amor em um segundo
Não teve o bem que quis,
E penetrou mais fundo

Nos olhos da quimera,
Serpentes e Medusa,
Matando a primavera
Saudade vem, abusa
E a vida de quem dera
Morrendo tão confusa
No fim se degenera
Nesta palavra lusa.

Saudade é ter o mar
Salgado dentre em mim,
Saudade de te amar,
Ó meu amor sem fim...

SOGUEIRA
Marcos Loures
Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 05/10/2007
Código do texto: T681840

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2360 textos (127385 leituras)
12 e-livros (638 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 10:56)
Sonia Nogueira

Site do Escritor