Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OS TEUS PASSOS

Na minha solidão
Eu sigo os teus passos,
Ansiosos e tão distantes,
E quanto mais eu tento
Tanto mais eu me afasto,
Sem conseguir alcançar-te.
Dos teus passos resta-me o eco
De um som quiçá longínquo,
São teus passos que se afastam,
São os meus que não te alcançam.
E nesse vagar em branco eu insisto
Em, na lembrança, ver-te surgir,
Ao longe teus passos ouvir,
E tão perto poder alcançar-te.
Mas qual, a memória falta,
E a lembrança se cala.
Já não mais ouço os teus passos,
Já não mais posso seguir-te.
À minha frente tenho o horizonte
Deveras vazio,
Uma busca, uma procura,
Uma dúvida: para onde ir?
Não sei se vou ou se fico,
Se te persigo, não sei.
Apenas sei que te encontro
Nos meus desejos, nos meus sonhos,
Na minha lembrança, em meu coração,
Ao som do eco dos teus passos
Já tão distantes
Se em sonhos eu te procuro
E em realidade nunca te possuo
É porque em sonhos eu te tenho
E, assim, tranqüila eu durmo.
Se o amor que sinto não se pode tornar real
Infelicidade minha, eu insisto em buscar-te nos meus sonhos.
E o amor é isso... simplesmente amar,
Porque amar é preciso
Como é preciso sonhar.
Despecial
Enviado por Despecial em 13/11/2005
Código do texto: T70819
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Despecial
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
352 textos (17195 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:09)
Despecial