Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Encontrei-te no meu primeiro emprego
Em uma outra cidade, onde eu nada conhecia.
Você me provocou com malicia
A minha residência era a mesma sua
Mais você não foi gentil quando me olhou saiu
 
Mais mesmo assim eu fiquei, naquela época eu era jovem.
Com o passar dos dias fomos nos conhecendo
Lembras que trocamos nosso primeiro beijo na cozinha
Você disse que tinha gosto de café
Fiquei aborrecida e sai
 
Mais logo depois nos encontramos mais uma vez
Nossos encontros eram sempre às escondidas
No horário do almoço, pela manhã.
Lembras que quando percebemos já éramos um só.
Eu sua metade e você minha metade
 
Como foi lindo nosso amor!
Era sempre escondidas de alguém, tinhas poucas pessoas que sabiam.
Eu alguns anos a mais que você
E sempre querendo deixar para depois o que poderia ter sido hoje
Amei-te muito e fui amada por você
 
Se alguém algum dia amou, fui eu que te amei.
E se alguém algum dia foi amada fui eu por você
Nunca tive duvidas do nosso amor
Às vezes covarde! Ou apenas duas pessoas imaturas
Lembro quando te perdi
 
A dor foi imensa, não sei como me perdi.
Perdi-me em dor, desespero.
Sofri por você como ninguém sofreu por você
Amei-te tanto que duvidei de tudo
Pedi a Deus para não mais chorar
Ele me ouviu.
 
Silvenoi
Enviado por Silvenoi em 25/10/2007
Código do texto: T710119

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Silvenoi
Caxias - Maranhão - Brasil, 61 anos
66 textos (2519 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 10:50)
Silvenoi