Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

La onde o Poeta descansa

Vou fazer uma canção
Pra falar deste brasil
Onde moram dois ou três
E até mais de um mil

Vou falar de um poeta
Que ninguém quase o conhece
Mas sabe que ele existe
E um dia ele aparece

Vou escrever uma carta
E dizer a este Brasil
Que este não é o artista
Que mora em um barril

Vou dizer aos menininhos
Que este é o Poeta
Que de homem rancoroso
Se tornou um pateta

Vou dizer que sou brasileiro
E preciso de um pedaço de pão
Que me perdoem pelas palavras
Mas tenho um coração

Vou dizer que em seu sangue
Tem a cor de poesias
E que seus versos
São escritos de tristezas e alegrias

Vou dizer que em suas palavras
La bem distante e muito longe
Onde descansa o poeta
E vive a meditar o monge

Vive também a alegria
De um homem que escreve poesias
Pra falar de suas tristezas
E novamente de suas alegrias
Robnho Da Madeira
Enviado por Robnho Da Madeira em 05/11/2007
Código do texto: T724561

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Roberson Martins (robinho da madeira) comentários robinhodamadeira60@yahoo.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Robnho Da Madeira
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 40 anos
509 textos (26633 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 00:27)
Robnho Da Madeira