Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SAUDADE QUE IMPERA

Amor, a saudade hoje impera
Dentro deste coração saudoso
Dentro desta’lma que se desespera,
Saudade do teu jeito carinhoso.
Esta saudade que mata, que dói,
Lembranças que não têm fim
Que no meu coração destrói
A esperança de teres amor por mim.
Já tão tarde descobri que te amo
E só agora choro as lágrimas que queimam,
Que ardem neste olhar insano,
Nestes lábios que te reclamam.
Na saudade indaguei ao mar:
Porque tão tarde fui perceber
Que este desejo imenso de te amar
Era mais que saudade, era querer?
Juras de amor esquecidas
Que o vento para longe levou
Súplicas de duas vidas
Que o tempo não revelou.
Ah, saudade, alivia esta dor
Que parece querer matar
Esta alma, esta vida, este amor,
E faz a presença me consolar!
Despecial
Enviado por Despecial em 19/11/2005
Código do texto: T73734
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Despecial
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
352 textos (17196 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:02)
Despecial