Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O caminho da saudade

Ergo-me a ti no maior
Dos penedos do teu farol
De telas de cristais quebrados
E espelhados nas rochas
Húmidas em estertor.
Está um barco encalhado
Num caminho atulhado
De gente só.
Caminho gelado
Horizonte apagado.
Por mim fora um abismo
Uma garganta afundada
O tremor de um sismo.
Uma vela arrumada.
Trovão e tempestade
Frio e escuridade.
Sombras pela metade.
Uma luz alucinada
Acende a vela guardada.
Balança no arvoredo
E salta sobre o medo.
E a gente já sabe…
O caminho da saudade.
RoqueSilveira
Enviado por RoqueSilveira em 15/11/2007
Código do texto: T738201

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar a autoria de M. Conceição Roque da Silveira e o site www.letrasdispersas.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
RoqueSilveira
Portugal
235 textos (8526 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 04:26)
RoqueSilveira