Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SUA ESPERA.

QUANTAS LUAS JÁ PASSARAM E EU A TE ESPERAR,
QUANTOS MARES EU TENHO QUE CRUZAR?.
CADA DIA NASCE E MORRE AO CAIR DA NOITE,
A ESPERANÇA DE SUA VOLTA.

MINHAS LÁGRIMAS ESTÃO APAGANDO O FOGO DA NOSSA PAIXÃO.
EU VEJO OS FANTASMAS DA SOLIDÃO,
DANAÇANDO NO ESCURO DO MEU QUARTO.
ELES FALAM COISAS E MEU CORAÇÃO ACREDITA.


NENHUMA É IGUAL, PORQUE VOCÊ É ÚNICA.
OU TALVEZ EU SÓ AMEI UMA ÚNICA VEZ.
EU PESSO PARA AS NUVENS TRAZER VOCÊ ANJO,
MAIS ASSIM COMO MEUS OLHOS,
ELAS SÓ DERRAMAM LÁGRIMAS.

Brione Capri
BRIONE CAPRI
Enviado por BRIONE CAPRI em 23/11/2005
Reeditado em 27/11/2005
Código do texto: T75191
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BRIONE CAPRI
Guarulhos - São Paulo - Brasil, 32 anos
1428 textos (66602 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:02)
BRIONE CAPRI