Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PAPAI

      Homem raro, desses que hoje em dia não se encontra...
      Possuiu aqui, e continuará sempre possuindo onde estiver, uma das virtudes desejadas apenas por homens especiais: amar e cuidar daquilo que não lhe pertencia e nem tão pouco era  de sua responsabilidade.
      Vô, por excelência carinhoso, nunca esquecia aquela bala, para fazer um agrado, quando já terminado o dia cansado...
      Ofício manual, artesanal, pesado, mas que se orgulhava em realizar.
      Às vezes recordo sua rabugisse, e lamento não ter procurado entender suas razões, seus sentimentos, suas dores, talvez, poderia tê-lo ajudado com minha compreensão...
      Hoje com outros conhecimentos da jornada, entendo que foste tu na minha estrada, o Pai que a vida me presenteou para amar!!!
      Espero te encontrar nos braços da eternidade, onde poderemos matar as saudades e com todo carinho nos afagar...  
DENA FÉLIX
Enviado por DENA FÉLIX em 25/11/2005
Código do texto: T76285

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
DENA FÉLIX
Santa Barbara D'Oeste - São Paulo - Brasil
220 textos (6625 leituras)
2 áudios (350 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:38)
DENA FÉLIX