Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CAMINHOS DO INFINITO

Nos caminhos do infinito
procurei sempre algo que me fizesse feliz...
Encontrei a poesia,mas continuei a caminhar
pois havia muita estrada para seguir...

Continuei caminhando,avistei uma luz,muito forte,
continuei a seguir,vi que era a felicidade,quase
agarrei-a,pois eu nunca havia encontrado-a antes
disse-lhe que depois voltaria continuei a seguir
pois estava a procura do amor...

Caminhei mais,e mais,encontrei a paz,segurei-a
pela mão,mas em seguida a deixei,pois primeiro queria alcançar o meu objetivo,que era de encontrar o amor
e eu não havia encontrado...

Incrivelmente,eu estava muito só,nos caminhos
do infinito,encontrei todos os ítens fundamentais
do ser humano,mas não encontrei o amor...

Continuei a caminhar,caminhar,e encontrei o otimismo
sentimento tal que eu não conhecia,
mas em seguida a deixei,ele ainda pediu insistentemente
para que eu o levasse,mas acabei o deixando...

Disse-lhe que depois voltaria,mas primeiro
precisava encontrar o amor...
Desesperadamente,continuei a seguir,pela imensa estrada
da vida,infinitamente,infinitamente...
Encontrei a amizade...

Mas a deixei,pois eu precisava encontrar o amor...
Inconsciente,meus pensamentos estavam obscuros,
não sabia mais oquê fazer...
Eu encontrara todos menos o amor...

Subitamente,minhas lágrimas desciam pelo meu rosto
e meu choro fazia eco nos caminhos do infinito,
e de longe,na tremenda escuridão,veio alguém...

Alguém que não sei de onde apareceu,e me perguntou:
-De onde vens? E oquê procuras?
Minhas lágrimas cessaram.e eu respondi...
-Caminho pela estrada da vida,e estou a procura
do amor...

E ele respondeu:
-Passaste por toda essa estrada?
Respondi lentamente...
-Sim passei...
E ele respondeu:

-Perdeste parte de sua vida,procurando amor,onde
ele está dentro de você...
Ele estava na poesia,na felicidade,no otimismo
na paz,na amizade,que desprezaste por toda a sua
vida...
Porém hoje,viverá de lembranças da felicidade que
sempre tiveste,e do amor que nunca deste valor..

LÍvea Messina Nunes.
Lívea Messina Nunes
Enviado por Lívea Messina Nunes em 28/11/2005
Código do texto: T77386

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (nome). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lívea Messina Nunes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 38 anos
689 textos (74325 leituras)
3 áudios (517 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:18)
Lívea Messina Nunes