Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SAUDADE - ANSIEDADE

Como o tempo é generoso...
tenho - o tanto, às vezes,
que no espaço que deixa,
nem mesmo sei quê fazer...

Fico olhando para o teto,
rabisco uma poesia
ou tiro "um dedo de prosa"
com quem queira conversar...

Às vezes olho pro céu,
adivinhando esculturas
nas nuvens que, pelo espaço,
vão passando, devagar...

Apanho um livro na estante,
com disposição, pra ler,
mas de repente o tédio
faz - me deixá - lo de lado...

Esquadrinho, pressurosa,
cada canto, desta casa,
prá de novo descobrir,
que de novo, nada tem...

E este tempo não se esgota
e outra coisa também não:
esta saudade - ansiedade
que trago no coração...
Arianne Evans
Enviado por Arianne Evans em 08/12/2005
Código do texto: T82473
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Arianne Evans
Curitiba - Paraná - Brasil, 66 anos
695 textos (57305 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 14:06)
Arianne Evans