Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Pouso Aberto

Um Pouso Aberto.
Delasnieve Daspet.

Sou um pouso aberto.
Um abrigo certo
No deserto da estrada.

Quando te perder na caminhada,
Quando a luz te faltar,
Te faltar o alento,
Lembra-te:
Sou quem te acolhe
Até findar a tua noite!

Vem!
Aquece-te do calor de meu carinho.
Sonhe de novo com a felicidade,
Pois sou teu abrigo certo!

Escuta!
Quando o brilho dourado da ventura
Te recobrir,
E de novo sorrires de par a par,
Quando partires,
Recorda-te do abrigo que
Deixastes na estrada!

Lembra!
Na bruma da vida
Sou o pouso aberto,
Que um dia deixaste tapera,
Que estará sempre a tua espera...

Sempre quando precisares
Lá estarei.
Nem sombras,
Nem nuvens,
Nem brisas,
Nem o sol ou a noite da vida
Irá tirar-me deste caminhar...
****01-03-2002 -
Campo Grande MS

Delasnieve Daspet
Enviado por Delasnieve Daspet em 12/12/2005
Código do texto: T85077
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Delasnieve Daspet
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 66 anos
654 textos (28479 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:21)
Delasnieve Daspet