Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ARAUTO


ARAUTO

O tempo que passou
o tempo que já eta
o tempo é o temp
que nunca espera


São dez horas da manhã
meio dia
duas horas
cinco horas da tarde

Tudo gira ao contorno do sol
nas marcas das sombras
nada sobra
tudo ao mesmo tempo
dia e noite
vida e morte

Na tela sem moldura
nada dura
nem retorna
no tempo que já era.

Márcia Plana Souza Lopes
Márcia Plana
Publicado no Recanto das Letras em 25/12/2005
Márcia Plana
Enviado por Márcia Plana em 25/12/2005
Código do texto: T90373
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Márcia Plana
Mauá - São Paulo - Brasil
5 textos (242 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:03)
Márcia Plana