Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Menino de Rua

Do norte ao sul,
Do Xipamanine ao Zimpeto,
Meu Maputo,

Do bairo do aeroporto,
Onde a terra,
Feita de areia,
Acolhia meus pes descalços,
Com a roupa surrada de,
Trepar muros,
Subir mangueiras,

Descalços percorrendo,
Ate ao bairro da Sommershield,
Onde estradas alcatroadas,
E esburacadas,
Acolhiam meus pés doloridos,
E calejados,
Onde em busca de um,
Pedaço de pão, caminho,

Meus pes sem destino caminham,
Entre os semaferos,
Vou esticando a minha mão,
A espera da esmola,

De sol a sol,
Eu menino de rua,
 
Vendo a verdade,
Estampada na cara,
Em noites de vento,
E chuva procuro me abrigar,
Mas so me vejo coberto de,
Caixas de papelão para espantar o frio,
E a barriga a roncar de fome,

De chuva a chuva,
Eu menino de rua,

Privado da educação,
Eu menino de rua,

De avenida a avenida,
Procuro guardar carros,
Para poder ter o pão,

Onde em larapio me transformo,
Para facilmente ganhar o pão,

Cansado de caminhar,
Eu menino de rua,

Choro, por um prato de xima,
Com caril,
Por um teto,
Para me esconder da chuva,
Por uma coberta para me tirar o frio,

Do Malhazine ao Benfica
Caminho eu menino de rua
Em busca do meu Futuro


Num farrapo me torno,
Em busca de uma vida melhor,

Mas sou sempre lembrado como,
Menino de rua


Hawa Issufo
Enviado por Hawa Issufo em 25/01/2006
Código do texto: T103709
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Hawa Issufo
Moçambique, 37 anos
64 textos (5573 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:13)
Hawa Issufo